Pedro Leonardo permanece em estado grave e com cérebro inchado, diz médica do Sírio

Pedro Leonardo permanece em estado grave e com cérebro inchado, diz médica do Sírio

Pedro Leonardo foi arremessado para fora do carro, após capotar o veículo.

O cantor Pedro Leonardo Dantas da Costa, 24, passou por um exame, nesta sexta-feira (27), que avalia o fluxo sanguíneo no cérebro, informou a médica Ludmilla Hajjar, coordenadora da UTI do Sírio-Libanês, à reportagem da Rede Globo. De acordo com a médica, o cérebro ainda está inchado e é preciso mais fluxo de sangue para que o órgão volte ao tamanho normal.

O estado do cantor, filho de Leonardo, ainda é muito grave, mas estável. Pedro permanece em coma induzido e ainda não dá para saber se a pancada que sofreu no acidente de carro deixará sequelas neurológicas ou motoras. Ainda de acordo com Ludmilla, o músico passou a noite bem e não houve intercorrências na transferência de Goiânia para São Paulo. A assessoria do hospital não quis confirmar nenhuma das informações.

Em boletim divulgado nesta sexta-feira (27), a equipe médica do Sírio diz que o estado de saúde de Pedro é grave, porém estável. Ele também apresentou melhora no quadro clínico e neurológico e nos resultados dos exames. A assessora do músico, Ede Cury, disse que a intenção dos médicos é que Pedro passe um dia tranquilo por conta da transferência. Ede ainda afirmou que o músico deve receber visita dos familiares nesta sexta-feira. Segundo ela, o cantor Leonardo deve retomar a agenda de shows na próxima semana, "porque está precisando ocupar a cabeça com trabalho", afirmou ela.

Na noite desta quinta-feira (26), o cantor Leonardo falou, na porta do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, sobre a transferência do filho à capital paulista. "Vencemos mais uma etapa", disse durante a visita. "Eu olhei nos olhos dele em Goiânia, e ele deu uma melhorada boa. Ontem ele era outro", disse o sertanejo, que ainda lembrou a morte do irmão Leandro. "A fita está toda em minha cabeça daquilo que passei há 14 anos. Foi uma coincidência. O Pedro capotou o carro no dia em que meu irmão descobriu a doença."

Pedro Leonardo Dantas da Costa, 24, chegou pouco antes das 17h desta quinta ao centro médico, onde ficará internado. A equipe divulgou boletim logo após a internação, dizendo que o quadro de Pedro é "estável do ponto de vista cardiovascular, respiratório e neurológico". "A transferência transcorreu sem intercorrências", informa o boletim.

"Graças a Deus o Pedro fez uma viagem estável. Houve uma demora de 40 minutos entre o avião chegar e ele conseguir ir para a ambulância. Isso aconteceu por causa do tamanho da maca, que era difícil de manusear", disse a assessora do cantor na entrada do hospital. Segundo ela, a mulher e a tia do cantor já estão em São Paulo.

Transferência

Pedro foi transferido do IOG (Instituto Ortopédico de Goiânia) em um avião-UTI do hospital, acompanhado por quatro médicos. A aeronave saiu da cidade às 14h e pousou no aeroporto de Congonhas por volta das 15h30. De lá, o cantor seguiu de ambulância para o hospital.

O acidente

Pedro sofreu um acidente de carro por volta das 6h55 de sexta-feira na rodovia MGC-452, no município de Tupaciguara (MG), próximo à divisa de Minas Gerais com Goiás. O jovem estava sozinho no carro e havia saído de um show com o primo, Thiago, na cidade de Uberlândia.

De acordo com o médico Ernani de Oliveira Rodrigues, do Hospital Municipal Modesto de Carvalho, em Itumbiara (GO), Pedro chegou ao local sedado, por volta das 8h40. Ele passou por uma tomografia e, depois, por uma cirurgia na região do baço devido às feridas na região do abdômen.

Em 2009, o cantor participou do reality show "A Fazenda", da Record, e foi eliminado na última semana do programa. Pedro é pai de Maria Sophia, nascida em maio do ano passado, fruto do relacionamento com Thais Gebelein. A menina é a primeira neta do cantor Leonardo.

Os fãs acompanharam a chegada de Pedro Leonardo ao Sírio-Libanês e vieram torcer pela saúde do ídolo. Vitória Santos, 15, chegou a correr para acompanhar a ambulância. "Desejo que ele melhore. Como o pai dele diz, "a fé move montanhas" e este é um momento de fé", disse Vitória. O goiano Genervino Vieira da Silva, 44, foi outro que deu seu apoio. "Sou fã dele e do pai dele e estou na torcida para que ele se recupere".

Fonte: UOL