Cão morre em cirurgia plástica e dono exige recompensa de R$ 270 mil

Chinês faz plástica de R$ 425 em cão e exige recompensa de R$ 270 mil após morte do pet

Um chinês, identificado apenas como Yu, gastou o equivalente a R$ 425 em uma cirurgia plástica para seu pet, um cão da raça mastiff tibetano. O objetivo era fazer com que o animal ficasse mais ?atraente? e o número de proprietários de fêmeas interessados em cruzar suas cadelas com o bicho aumentasse.


Cão morre em cirurgia plástica e dono exige recompensa de R$ 270 mil

Mas o cachorro teve problemas ligados ao anestésico, sofreu uma parada cardíaca e morreu durante a cirurgia. Revoltado com a perda do animal, Yu exige uma indenização de mais de R$ 270 mil, valor que o chinês afirma já ter gasto com o cachorro em seu período de vida.

Dono de um centro de reprodução em Pequim, a atitude de Yu foi criticada por ativistas e protetores dos animais. As informações são do jornal The Telegraph.

Fonte: Globo.com