Casaco evita mordida fatal de cão gigante em criança de 3 anos

Em desespero, a mãe das meninas, Lucy, 32 anos, começou a chutar sem parar o animal

Era para ser um simples passeio pelo parque em família, no Reino Unido. De repente, um cão gigante da raça Boerboel, um tipo raro de Mastiff apareceu e atacou a garota Phoebe McInally, 3 anos, e sua irmã mais velha Alix, 5.

Em desespero, a mãe das meninas, Lucy, 32 anos, começou a chutar sem parar o animal na tentativa que ele parasse de atacar suas filhas. ?Eu me joguei em cima das meninas para tentar protegê-las, mas mesmo assim o cão conseguiu mordê-las. Então, comecei a chutar o animal?

Após alguns minutos, finalmente, o cachorro fugiu. Mas o estrago já estava feito. Além de graves machucados nas costas, o cão arrancou o rabo de cavalo de Phoebe, deixando uma grande mancha careca.

As irmãs foram levadas ao Hospital Hairmyres, onde tomaram antibióticos para evitar infecções e trataram os ferimentos. ?Minha filha foi salva porque estava usando um casaco pesado de inverno. Caso contrário, o cão teria acertado seu pescoço?, disse Lucy ao jornal britânico Daily Mail.

As garotas estão traumatizadas com o acidente e não querem mais sair na rua tamanho o medo de serem atacadas por outro cão. A polícia foi chamada para o incidente e uma mulher de 39 anos está sendo investigada como possível culpada por ser a dona do animal, que foi sacrificado. A família espera justiça.



Fonte: Crescer