Centro de Parto Normal de Maternidade está pronto, mas nunca foi aberto

Estão sendo cumpridos os trâmites legais para a abertura do espaço, mas a expectativa é que até o final de novembro já comecem a ser realizados partos no local.

CONFIRA A REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO DESTA QUINTA-FEIRA (30) DO JORNAL MEIO NORTE

O Centro de Parto Normal (CPN) da Maternidade Dona Evangelina Rosa já está finalizado desde o primeiro semestre desse ano, mas até agora ainda está sem funcionar. Segundo a apoiadora da Rede Cegonha no Piauí, Soraya Maria, estão sendo cumpridos os trâmites legais para a abertura do espaço, mas a expectativa é que até o final de novembro já comecem a ser realizados partos no local.

Enquanto isso, o percentual de partos cesários no Piauí é bem superior ao que preconiza a Organização Mundial de Saúde, que diz que apenas 25% dos partos devem ser desse tipo. Hoje o Estado registra quase 50% de cesarianas. “A probabilidade de a mulher vir a óbito em um parto cesário é bem superior a um parto normal, pois sabemos que uma cesariana é uma cirurgia de média e alta complexidade”, argumentou Soraya.

A abertura do novo espaço vai contribuir, segundo Soraya, dentre outras coisas, para que se inicie, de fato, a realização do parto humanizado em Teresina. “Nenhum local em Teresina realiza hoje esse parto humanizado, mas estamos animados com a abertura do CPN da Maternidade Evangelina Rosa e também com a abertura de um espaço como esse também na Maternidade do Buenos Aires”, disse Soraya.

Repórter: Pollyana Carvalho

Clique e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Pollyana Carvalho