Com Alzheimer, idosa de 71 anos é acusada de roubar santos

Ela vai responder ao processo em liberdade.

Uma idosa de 71 anos foi flagrada ontem furtando uma imagem do Sagrado Coração de Jesus da igreja São João Batista, em Santos (72 km de São Paulo).

Segundo a polícia, a idosa, que é de classe média, já havia furtado da mesma igreja as imagens de são Camilo, santa Edwiges e Nossa Senhora de Fátima.

Essa última veio de Portugal, foi doada e tem valor sentimental para os fiéis.

A polícia foi ao sobrado da idosa e encontrou mais 165 imagens em um banheiro transformado em altar. Agora, vai investigar se elas também foram furtadas.

O delegado-titular do 5º DP, Antonio Carlos Machado de Castro, ouviu a idosa ontem e a liberou.

A mulher, segundo o marido, sofre de Alzheimer. Ela vai responder ao processo em liberdade.

Fonte: Agora São Paulo