CSU do Parque Piauí será a Casa da Mulher Brasileira

Governador celebrou o termo de cessão do uso de bem imóvel do CSU

O governador Wellington Dias celebrou junto ao Ministério de Mulheres e Igualdade Social, através da Coordenadoria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres, o termo de cessão de uso de bem imóvel para que no prédio onde funcionava o Centro Social Urbano do Parque Piauí seja construída a Casa da Mulher Brasileira para atendimento especializado e humanizado às mulheres em situação de violência. A assinatura foi feita durante a Roda de Diálogos - Março Mulher, na terça-feira (8), no auditório do Instituto Federal do Piauí.

A Casa da Mulher Brasileira é uma inovação no atendimento humanizado às mulheres pois integra no mesmo espaço serviços especializados para os mais diversos tipos de violência contra as mulheres: acolhimento e triagem, apoio psicossocial, delegacia, Juizado, Ministério Público, Defensoria Pública, promoção de autonomia econômica, cuidado das crianças – brinquedoteca, alojamento de passagem e central de transportes.

A coordenadora de Políticas públicas pra as mulheres, Haldaci Regina, comemorou e disse que esse é um equipamento necessário para atender, de forma humanizada, as mulheres que infelizmente sofreram violência. "É um momento muito delicado, pois elas, infelizmente, já sofreram violência e precisam de um atendimento especializado. A Casa da Mulher Brasileira permite que no mesmo espaço elas possam fazer o B. O., receber as informações necessárias, dar entrada no processo e ainda contará com um transporte para se deslocarem ao local de realização dos exames. Muitas mulheres desistiam de realizar todos os processos por conta do deslocamento  entre um órgão e outro. Contaremos também com um veículo", descreve.

O governador Wellington Dias declarou que o tema da violência contra as mulheres é o que mais o incomoda e é um grande desafio, pois ainda predomina preconceito machista. "Temos trabalhado para aumentar a integração entre o Judiciário, Ministério Publico, delegacias e sociedade para uma rede de atendimento às mulheres. Trata-se de uma política mais efetiva de conscientização", comenta.

Na oportunidade, Welligton Dias disse que, em breve, haverá a homologação pra dar continuidade ao processo de seleção da empresa que construirá o Hospital Materno Infantil, na Avenida Presidente Kennedy, em Teresina.

Fonte: Com informações do Portal do Governo