Delegacia já registra R$ 4 milhões em golpes contra idosos em 2010

Delegacia já registra R$ 4 milhões em golpes contra idosos em 2010

Mesmo sem completar três meses inteiros, 2010 já conseguiu ultrapassar o ano passado na soma do dinheiro roubado dos idosos através de golpes

O ano de 2010 já ultrapassou 2009 em números de golpes financeiros contra idosos comandado por quadrilhas. Os crimes dessa natureza já somam mais de R$ 4 milhões de reias, o dobro do registrado ano passado. Desde que foi criada em 2005, a Delegacia de Segurança e Proteção do Idoso já registrou no Piauí golpes no total de 28 milhões de reais.

Nesta semana, a delegacia devolverá às vítimas a quantia de 300 mil reais. De acordo com o delegado Marlos Sampaio, mais de R$ 2 milhões do dinheiro movimentado por golpes já foram devolvidos ao Idosos. ?Temos ainda várias casos que estão em fase de processo de devolução?. O valor dos golpes giram em torno de R$ 5.000 por pessoa.

Neste ano, apenas uma quadrilha desbarata em Brasília, com atuação de golpes no Piauí, foi responsável pela movimentação de 4 milhões de reias. A quadrilha atuava nos municípios de Teresina, campo maior, Piripiri, Bom Jesus, Corrente e Floriano. ?Isso significa que

Marlos Sampaio destacou, ainda, que os golpes contra idosos são uma tendência por ser um crime fácil, sem riscos e de retorno garantido. A penalidade também é menor, já que esse tipo de crime é considerado estelionato. ?O criminoso não precisa se expor em assaltos?, diz o delegado ao destacar que o número de quadrilhas desbaratadas é resultado de uma forte atuação da delegacia do Idoso. ?Antes da delegacia ser criada, o criminoso ficava impune?

Atualmente, 90% dos crimes dessa natureza são cometidos através do banco de idosos, onde funcionários de bancos e do INSS, por exemplo, estariam facilitando a concessão desses dados para os bandidos, que aplicam golpes sem precisar entrar em contato com a vítima.

Fonte: Carolina Durães, Jornal Meio Norte