Delegado confirma suicídio do ator Walmor Chagas com tiro na cabeça em chácara

Delegado confirma suicídio do ator Walmor Chagas com tiro na cabeça em chácara

O caseiro João Arteiro de Almeida, que encontrou o corpo de Walmor, também passou pelo exame residuográfico e o resultado foi negativo.

A Polícia Civil de Guaratinguetá divulgou nesta segunda-feira (21) um laudo provisório que indicou vestígios de pólvora na mão direita de Walmor Chagas, o que sustenta a hipótese de suicídio.

A informação foi confirmada por Antonio Luiz Marcelino, delegado do 2° Distrito Policial de Guaratinguetá. "O perito ainda vai dar o laudo definitivo, mas não resta dúvidas de que foi suicídio", afirmou.

O caseiro João Arteiro de Almeida, que encontrou o corpo de Walmor, também passou pelo exame residuográfico e o resultado foi negativo.

Walmor foi encontrado morto na última sexta-feira em sua chácara na cidade do interior de São Paulo, com um tiro na cabeça. Ele estava sentado em uma cadeira e portava um revólver calibre 38 sobre o colo.

A Polícia Civil ainda aguarda o resultado de uma necrópsia e da perícia no local da morte. Além disso, um inquérito que averigua o motivo que levou Walmor a se matar está em andamento. Segundo Marcelino, empregados, familiares e vizinhos serão ouvidos e a investigação deve terminar em 30 dias.

Para o empresário e amigo de Walmor, Antônio Carlos Cardoso, o ator tirou a própria vida porque estava muito doente e não queria dar trabalho para amigos e parentes. "Acredito que seu suicídio foi resultado da sua teimosia, não queria ser um peso para ninguém. Ele na verdade quis escolher a hora de sua própria morte", disse ele em entrevista.

Fonte: UOL