Detentos da Irmão Guido celebram Páscoa com os filhos

Mais de 20 crianças, com idades entre 2 e 12 anos participaram das brincadeiras promovidas pela equipe do NAPP.

A Páscoa chegou mais cedo para cerca de 20 detentos da Penitenciária Irmão Guido. Eles participaram de atividades lúdicas com os filhos, durante evento realizado pelo Núcleo de Atenção Permanente ao Preso (NAPP) em parceria com a Secretaria da Justiça.

Eles receberam as visitas dos filhos pequenos e participaram de brincadeiras no salão do prédio de vistoria do estabelecimento. Mais de 20 crianças, com idades entre 2 e 12 anos participaram das brincadeiras promovidas pela equipe do NAPP. Algumas companheiras de detentos levaram os bebês para os pais conhecerem.

A equipe do NAPP chegou à Penitenciária Irmão Guido, por volta das 10h e levou salgados, refrigerantes e brindes para as crianças. Os internos chegaram em grupos de três ao estabelecimento, como medida de segurança. Quando todos estavam presentes ao salão, o evento foi iniciado com a palavra do diretor da Penitenciária, tenente Dênio Marinho.

Em seguida, o cantor gospel Issac Folha, interpretou o hino ?Poderoso Deus? e passou mensagem de otimismo e libertação espiritual aos detentos e seus familiares. Ele distribuiu uma cópia do seu CD ?Pra contra tua História?. A equipe técnica do NAPP levou fantoches para alegar a criançada. Os detentos aproveitaram o momento para conversar com os familiares, enquanto as crianças brincavam.

Os filhos dos internos da Penitenciária Irmão Guido pintaram desenhos de coelhinhos, considerado um dos símbolos do Páscoa. Depois eles participaram do lanche coletivo, numa forma de celebração da Páscoa dos detentos com suas famílias.

Para a secretária da Justiça, Cleia Maia, a celebração da Páscoa é importante para estabelecer os vínculos familiares, elevar a autoestima dos internos e promover atividades socioculturais à população carcerária.

A secretaria lembrou que a Diretoria de Humanização e Reintegração Social, através da Coordenação de Serviço Social, vai iniciar a programação de celebração da Páscoa nos presídios, a partir do dia 29 de março, com as celebrações evangélicas e lanche coletivo em todos os estabelecimentos penitenciários do Estado.

Fonte: CCOM, www.pi.gov.br