Duas crianças morrem carbonizadas; mãe teria deixado filhos sozinhos em casa

Informações preliminares apontam que a menina de 5 anos e o garoto de 4 chegaram a tentar sair da residência quando o fogo começou.

Duas crianças morreram em um incêndio na madrugada desta quinta-feira, no município de Simões Filho, região metropolitana de Salvador. A suspeita é que a mãe tenha deixado os filhos sozinhos em casa para sair com amigos em outra região. Informações preliminares apontam que a menina de 5 anos e o garoto de 4 chegaram a tentar sair da residência quando o fogo começou, mas duas portas que davam na rua estavam fechadas.

Leila dos Santos Souza morava sozinha com os dois filhos. No momento do incêndio, que teria começado com um curto-circuito, as crianças chegaram a pedir socorro para os vizinhos, que não conseguiram resgatá-las. Os corpos foram encontrados carbonizados e abraçados próximos da porta da sala. A tragédia revoltou a vizinhança.

De acordo com os moradores da avenida Baraúna, no bairro Cristo Rei, Leila costumava maltratar os filhos com surras, e esta não seria a primeira vez que teria saído e os deixado sozinhos. A mãe desapareceu depois de saber das mortes dos filhos e está sendo procurada pela polícia.

Este é o segundo caso registrado na Bahia em menos de uma semana. No último sábado, um menino de 2 anos de idade morreu na cidade de Serrinha, no nordeste do Estado, após brincar com óleo lubrificante e palitos de fósforo. A mãe chegou a jogar água na criança, mas o garoto já estava totalmente consumido pelas chamas e morreu no local.

Fonte: Terra