Bovespa atinge maior patamar em um ano com alta de 0,89%

O índice Ibovespa - referência para o mercado brasileiro - teve ganho de 0,89% no dia, aos 56.830 pontos.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) superou o mau humor do início do dia e fechou em alta nesta segunda-feira (10), garantindo o melhor patamar de fechamento em um ano, desde 7 de agosto do ano passado.

O índice Ibovespa - referência para o mercado brasileiro - teve ganho de 0,89% no dia, aos 56.830 pontos. O volume financeiro negociado ficou em R$ 4,2 bilhões, um pouco abaixo da média das últimas semanas.

Diferentemente do que ocorreu nas bolsas nova-iorquinas, aqui as varejistas tiveram um dia de ganhos, sustentando para cima o Ibovespa, que foi apoiado também por altas acentuadas de Braskem e Embraer. O destaque negativo foram as companhias do setor elétrico.

Outros pregões

Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones, referência para o mercado de Nova York, teve queda de 0,34% nesta segunda-feira, enquanto o indicador de ações de tecnologia Nasdaq fechou com ganho de 0,40%.

O índice FTSEurofirst 300, referência principal dos mercados acionários da Europa, fechou em baixa de 0,64%, a 944 pontos. Em Londres, a queda foi de 0,2%; em Frankfurt, o índice DAX perdeu 0,75%; em Paris, a baixa foi de 0,47%.

As bolsas asiáticas fecharam em alta, ainda animadas pelos dados sobre emprego dos EUA, divulgados na sexta-feira (7). O índice Nikkei, de Tóquio, subiu 1,08%, para 10.524 pontos, maior patamar de fechamento em dez meses.

Fonte: g1, www.g1.com.br