Bovespa sobe mais de 2% e fecha no maior nível desde o mês de novembro

O Ibovespa subiu 2,62%, a 52.980 pontos.

A Bovespa teve alta de mais de 2% nesta sexta-feira (2) e terminou a sessão perto dos 53 mil pontos, no maior nível de fechamento desde novembro e guiada pelo avanço de 5% das ações preferenciais da Petrobras.

O Ibovespa subiu 2,62%, a 52.980 pontos.

O movimento foi atribuído por operadores também à expectativa por nova pesquisa eleitoral a ser divulgada no fim de semana, destaca a Reuters.

Segundo o chefe da mesa de operações da corretora Intrader, Leandro Silvestrini, apesar de muitos investidores ainda estarem cautelosos em fazer apostas envolvendo as eleições, havia o temor de ficar de fora do rali e perder a chance de ganhar com ações.

"Estamos falando em uma alta de cerca de 17% da bolsa em 32 pregões. Isso é muito considerável. Se você investir em renda fixa, vai render no máximo 12%", disse Silvestrini à Reuters.

Segundo o gerente de renda variável da H.Commcor, Ariovaldo Santos, a alta era alimentada ainda por investidores que fechavam posições vendidas, pelas quais apostam na queda da bolsa, na tentativa de conter maiores perdas.

As maiores altas do Ibovespa nesta sexta foram da Marfrig e da Anhanguera, com valorização de mais de 6%.

O índice fechou no azul em abril, pelo segundo mês consecutivo, com ganho acumulado de 2,4%. No ano, a Bovespa tem alta de 2,86%.

Fonte: G1