Brasil cai em ranking mundial de preço de pacote de TV /assinatura

Brasil cai em ranking mundial de preço de pacote de TV /assinatura

Em lista com 49 países, Brasil passou da 27ª para a 30ª posição. Preço cobrado pelas operadoras está abaixo da média mundial, aponta ABTA.

O preço do pacote básico de TV por assinatura no Brasil caiu no último ano, segundo estudo divulgado nesta terça-feira (29) pela ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura).

Segundo levantamento realizado pela Fipe em uma amostra de 49 países, o Brasil ficou na 30ª posição, abaixo da média mundial, com um preço de pacote básico de US$ 22,34.

No levantamento anterior, feito em 2013, o Brasil aparecia com o 27º pacote básico mais caro, a US$ 23,25.

No ranking divulgado hoje, o Brasil está atrás de países como Chile, México, Itália e Alemanha.

No topo da lista dos preços mais caros, com mensalidades acima de US$ 50, estão Dinamarca, Japão e Argentina.

Para a ABTA, o resultado mostra que o crescimento do número de assinantes no Brasil não foi fruto, exclusivamente, do aumento de renda da população, mas também dos preços mais baixos.

Pelos números da Anatel, o setor fechou o mês de maio com 18,8 milhões de assinantes, o que corresponde a cerca de 60 milhões de telespectadores, um aumento de 10,8% sobre maio de 2013.

O presidente-executivo da ABTA, Oscar Vicente Simões de Oliveira, projeta que o Brasil deverá fechar o ano com 20 milhões de assinates.

"Em um contexto em que se fala de um PIB [Produto Interno Bruto] subindo por volta de 1%, um crescimento de dois dígitos mostra a força do setor e é motivo de comemoração", disse.

Fonte: G1