Conar recomenda que Claro tire do ar comercial com Ronaldo e Neymar

Conselho considerou propaganda como "deseducativa".

Diante de reclamações de consumidores, o Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) decidiu recomendar a suspensão da veiculação do comercial da Claro com Ronaldo Fenômeno e Neymar.


Conar recomenda que Claro tire do ar comercial com Ronaldo e Neymar

De acordo com o órgão, a propaganda, que mostra o ex-jogador passando um trote pelo celular no atleta do Barcelona, foi considerada "deseducativa".

Na avaliação dos consumidores e do Conar, a campanha Trote ? O barato mais ilimitado para a sua família, seria um estímulo para as crianças, que veem os personagens do comercial como ídolos e poderiam seguir o exemplo.

De acordo com o Conar, a operadora disse que a propaganda deixava claro que se tratava de uma brincadeira entre amigos e que esse trote, como alguns consumidores afirmaram, não poderia ser considerado ilegal, segundo o código penal, por não envolver nenhum serviço de emergência.

A Claro informou que, por se tratar do serviço fixo da operadora, quem responde é a Embratel, que ainda não enviou comunicado.

Fonte: G1