Descontos chegam a 70% no queimão do comércio de THE

O período de compras para o Natal acabou e agora é a vez dos saldões para renovar o estoque

Após o período de compras natalinas as lojas começam a vender os produtos que sobraram no estoque e começam a realizar liquidações e promoções que têm movimentado o centro da cidade.

Ontem várias lojas do centro começaram a oferecer descontos que chegam até 70% do valor praticada no Natal. O setor que inicialmente mais traz descontos neste período é o de vestuário.

Conforme declara, o presidente do Sindicato dos Lojistas, Luiz Antônio Veloso, o setor de vestuário e calçados vem trazendo os descontos mais relevantes no momento. Segundo ele, a chamada queima de preços e ofertas deve se prolongar até fevereiro.

Mesmo assim ele alerta ao consumidor para ficar atento aos dias e as promoções de cada loja, recomendando que as pessoas se programem para ir aos primeiros dias de liquidação, pois os melhores produtos ainda se encontram nas prateleiras.

?Cada semana uma loja realiza um tipo de liquidação. Na medida que vão avaliando o que sobrou nos estoques promoções vão aparecendo a qualquer momento. O consumidor tem que ficar de olho para não perder a oportunidade.

É comum no primeiro dia estarem todos os produtos, já no segundo dia nem tanto?, aconselha Luiz Antônio, acrescentando que as pessoas procurem as lojas nos primeiros dias de liquidação para pegarem as melhores ofertas.

Em uma loja do centro a queima de estoques começou ontem e vai manter as ofertas até sábado. A movimentação era intensa no primeiro dia. De acordo com o chefe de setor, Abdênis Lima Rocha, o movimento é intenso nos dois primeiros dias, apesar de todas as peças em exposição estarem com vários descontos até sábado. Segundo ele, o crescimento das vendas neste período é de 20%.

Para a auxiliar de cozinha, Ivonete Ramos, nem tudo compensa no período de liquidações e preciso avaliar bem o estado de produto. Apesar disso ela acredita que na época de liquidações é possível fazer um bom negócio e achar peças com o preço em conta.

?Tem coisas que dão para aproveitar bem. As roupas estão com descontos bons de 30% e 50%. A correria é grande, mas procurando compensa?, afirma.

Fonte: Vicente de Paula