Ex-técnico da seleção basquete cria rede de anúncio em sacolas

Ex-técnico da seleção basquete cria rede de anúncio em sacolas

Pão Natureza vende anúncios em sacos a serem distribuídos em padarias. Outra opção já existente no mercado é a BagNews, com atuação parecida.

O ex-técnico da seleção brasileira feminina de basquete, Paulo Bassul, também atual gerente técnico da Liga Nacional de Basquete (LNB), entrou para o mundo dos negócios e criou, há um ano, uma rede de franquias de vendas de publicidade em sacos de pão, a Pão Natureza.

A rede é uma das expositoras presentes na 22ª edição da ABF Franchising Expo, a maior feira do setor de franquias do mundo, que ocorre em São Paulo até sábado (15).

Criada em maio de 2012, a franquia funciona com a venda de espaços de publicidade em sacos de pão, que são distribuídos gratuitamente em padarias. Já há 40 franqueados em todas as regiões do país, diz Bassul.

Cada saco tem, nas laterais, espaços para colunas de meio ambiente e saúde. "Eu sempre gostei do tema de sustentabilidade. Uni a ideia de criar um veículo de mídia e promover a transformação e preservação", afirmou.

Vendas

O trabalho do franqueado é basicamente comercial: encontrar anunciantes para os "espaços" nos sacos de pão. Cada saco tem até 42 módulos, que podem ser vendidos a partir de R$ 350 cada. Aí, é só fazer a conta: é possível faturar R$ 14,7 mil.

Os anúncios vendidos são enviados para a franqueadora, que faz a criação do anúncio e a impressão (em lotes de 30 mil sacos). O franqueado paga R$ 5 mil à franqueadora pela criação e impressão dos 30 mil sacos, mais o frete e distribuição a padarias da região (que não pagam pelo produto).

Na prática, para lucrar o empreendedor precisa fazer a conta de quantos anúncios fez e ver se vale a pena pagar os R$ 5 mil por um lote com 30 mil sacos (o que, segundo a freanqueadora, é indicado para ser entregue em aproximadamente 10 a 15 padarias). Segundo Bassul, a exigência mínima é que o franqueado faça no mínimo seis pedidos de impressão por ano.

A rede trabalha com o modelo de microfranquia (que exige baixo investimento). A taxa de franquia para o interessado em se tornar franqueado é de R$ 7,5 mil (o valor está por R$ 6,5 mil para os visitantes da feira). Há ainda o pagamento mensal de meio salário mínimo em royalties (parcela sobre o faturamento a ser paga).

Bassul explica que a tinta usada para a impressão é especial para o uso em alimentos e aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). "O papel não pode ser reciclado, mas é de reflorestamento. A tinta é feita a base de água", disse.

BagNews

Outra franquia participante da feira que tem o trabalho parecido com a Pão Natureza é a BagNews, existente desde 2009 e que também vende espaço de publicidade em sacos de pão, além de sacolas e caixas de pizza recicláveis.


Ex-técnico da seleção de basquete cria rede de anúncio em saco de pão

Nesse caso, o investimento é a partir de R$ 25 mil (incluída a taxa de franquia). A empresa diz que o faturamento gira em torno de R$ 18 mil ao mês.

De acordo com a empresa, o trabalho do franqueado também consiste na venda de anúncios nas embalagens, que são distribuídas em comércios da região do anunciante. Os anúncios são processados pela BagNews e depois é feita a distribuição.

A rede diz que conta com 26 unidades no Brasil e uma em Sidney, na Austrália. A expectativa é abrir 50 franquias neste ano.

Fonte: G1