Inadimplência das empresas sobe 8% em abril, segundo Serasa

A inadimplência nas dívidas bancárias das empresas cresceu 7% entre abril e março.

A inadimplência das empresas do País registrou alta de 8% em abril, na comparação com o mesmo mês de 2010, informou a Serasa Experian, nesta quarta-feira. Se comparado com março, o índice registrou queda de 7,9%. No acumulado dos quatro primeiros meses do ano, o índice registrou alta de 3% ante o mesmo período do ano passado.

De acordo com o levantamento, o aumento dos juros e o encarecimento do crédito às empresas estão sendo compensados pelo maior número de vendas, porém já produzem uma inadimplência maior do que em 2010. A evolução dos níveis de inadimplência dependerá das medidas do governo para o combate a inflação, como a redução do crédito, informou.

A inadimplência nas dívidas bancárias das empresas cresceu 7% entre abril e março, já o registro de protestos caiu 12,9% em abril e o volume de cheques sem fundos teve redução de 13,6% na comparação com o mês anterior.

Nos quatro primeiros meses do ano, o valor médio das dívidas bancárias ficou em R$ 5.073,92, registrando alta de 6%. Os títulos protestados tiveram alta de 7,5%, em um valor médio de R$ 1.705,21, já o valor dos cheques sem fundos contabilizaram R$ 2.051,04, com alta de 2,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Fonte: Terra