Juros do cheque especial caem após nove altas; veja taxas

Juros do cheque especial caem após nove altas; veja taxas

Dos sete bancos analisados, três reduziram a taxa nesse período.

A taxa de juros média do cheque especial apresentou em outubro a primeira queda após nove meses de alta, passando de 9,57% ao mês em setembro para 9,55%, de acordo com a pesquisa da Fundação Procon-SP divulgada nesta segunda-feira.

Dos sete bancos analisados, três (Banco do Brasil, Bradesco e Caixa Econômica Federal) reduziram a taxa nesse período.

Já no empréstimo pessoal, o levantamento apontou a segunda redução consecutiva na média, de 5,86% ao mês para 5,85%, com dois bancos (Banco do Brasil e Bradesco) diminuindo os juros.

O cenário continua desfavorável para os empréstimos financeiros, pois as taxas de juros continuam altas, alerta o Procon-SP. O órgão orienta o consumidor a manter a cautela, procurando analisar todas as opções de financiamento antes de efetuar a dívida.

A pesquisa foi realizada no dia 18 de outubro e englobou as seguintes instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander.

Considerando que existe a possibilidade de variação da taxa do empréstimo pessoal em função do prazo do contrato, foi estipulado o período de 12 meses, já que todos os bancos pesquisados trabalham com esse período. Para o cheque especial, foi considerado um intervalo de 30 dias.

O levantamento, vale lembrar, foi feito antes da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), que decidiu reduzir a taxa básica de juros, a Selic, em 0,50 ponto percentual, para 11,50% ao ano.

Taxa de juros ao mês em outubro

Cheque Especial

Banco do Brasil - 8,45%

Bradesco - 8,93%

Caixa Econômica Federal - 8,20%

HSBC - 9,95%

Itaú - 9,03%

Safra - 12,30%

Santander - 9,99%

Empréstimo Pessoal

Banco do Brasil - 5,35%

Bradesco - 6,33%

Caixa Econômica Federal - 5,45%

HSBC - 5,99%

Itaú - 6,45%

Safra - 5,40%

Santander - 5,99%

Fonte: Folha.com