Mínino de R$ 465 entra em vigor dia 1°

O reajuste do salário mínimo beneficiará aproximadamente 25 milhões de trabalhadores

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, anunciou, nesta sexta-feira (30), o aumento do salário mínimo, que passa de R$ 415 para um valor médio de R$ 465. O Ministério do Trabalho propõe que o aumento passe a valer a partir de 1º de fevereiro.

?Isso vai causar um grande efeito na economia porque é um fator forte de aquecimento para o mercado consumidor?, disse Lupi, em entrevista coletiva no Rio de Janeiro. O reajuste sobre o atual valor do salário mínimo é de 12% incluindo a inflação dos últimos doze meses e um percentual de 6,39% de ganho real.

Segundo os cálculos do Ministério do Trabalho, o reajuste do salário mínimo beneficiará aproximadamente 25 milhões de trabalhadores formais e informais, que recebem até um salário por mês, além de cerca de 17,8 milhões de pessoas que recebem até um salário mínimo como benefício previdenciário ou assistencial pago pela Previdência Social, num total de 42 milhões de beneficiados.

Lupi fez um apelo ao Congresso para que seja aprovado o projeto de lei que determina que o reajuste seja calculado com base no crescimento do PIB e na inflação do período. O projeto existe desde 2006 e ainda não foi aprovado.

Seguro desemprego e abono

Lupi também anunciou aumentos do seguro desemprego e do abono salarial. O valor médio do seguro passa de R$ 564, 40 para R$ 632,40. Já o do abono, será o mesmo valor do salário mínimo, R$ 465.

O ministro aposta que os reajustes dos dois benefícios também poderão contribuir para aquecimento do mercado. "De acordo com nossos dados, só com esses dois benefícios, serão injetados no mercado consumidor cerca de R$ 24 bilhões, já a partir de março, quando os trabalhadores começam a receber os valores reajustados", disse.

NegOciação

O valor do novo mínimo havia sido negociado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva com as centrais sindicais em 2008 e foi confirmado pelo ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, na terça-feira passada (27) durante o anúncio de corte provisório do Orçamento de 2009. O corte anunciado ?o maior de ambos os mandatos do presidente Lula ? foi de R$ 37,2 bilhões. O reajuste será aplicado por meio de medida provisória.

Os reajustes do salário mínimo causam impacto a pelo menos 21 milhões de brasileiros, segundo o Ministério do Trabalho, usando dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Entre os aposentados e pensionistas, mais de seis milhões recebem pelo menos um salário mínimo mensal.

Fonte: g1, www.g1.com.br