Petrobras é a empresa que mais perdeu valor de mercado em 2013

Petrobras é a empresa que mais perdeu valor de mercado em 2013

OGX, de Eike Batista, perdeu 95% do valor de mercado do ano passado.

A Petrobras foi a empresa listada na Bovespa que mais perdeu valor de mercado em 2013, em termos absolutos, que leva em conta o valor total da perda, segundo levantamento da consultoria Economatica.

A queda no valor de mercado da estatal -- que é calculado a partir do preço das ações - foi de R$ 40,2 bilhões, de R$ 254,85 bilhões em 31 de dezembro de 2012 para R$ 214,69 bilhões.

As ações da empresa tiveram perdas no ano por conta da defasagem dos preços dos combustíveis e a definição de uma política de reajustes pouco clara, sem periodicidade nem regras definidas.

A segunda maior perda do valor de mercado em 2013 foi da Vale, de R$ 36,9 bilhões, de R$ 215,1 bilhões para R$ 178,2 bilhões.

Quando se considera o tamanho da perda, em reais, a OGX, de Eike Batista, foi a terceira que mais perdeu valor: R$ 13,4 bilhões. A quantia, no entanto, representa quase tudo o que a companhia valia no fim do ano passado: 94,5% dos R$ 14,2 bilhões.

A petroleira de Eike, que mudou de nome em dezembro para Óleo e Gás Participações (OGP), entrou com pedido de recuperação judicial em outubro por conta das altas dívidas da empresa e a dificuldade em produzir petróleo.

Na véspera do Natal, a OGP anunciou que fechou acordo com credores internacionais numa tentativa de eliminar a dívida e recapitalizar a empresa. O objetivo do acordo, que transforma cerca de US$ 5,8 bilhões em créditos em ações, é tentar fazer com que a empresa possa sair da recuperação judicial e continuar as suas atividades.

A Oi foi a quarta que mais perdeu participação de mercado, de acordo com a Economatica, e fechou 2013 valendo R$ 8,2 bilhões a menos. A perda representa 58,1% do que a empresa valia no fim de 2012.

Fonte: G1