Preço do combustível muda várias vezes na semana

Preço do combustível muda várias vezes na semana

Na quinta-feira passada o preço do litro custava R$ 2,48 em grande parte dos postos da capital.

Em Teresina, o preço da gasolina teve oscilação nas duas últimas semanas. Na quinta-feira passada, o preço do litro custava R$ 2,48 em grande parte dos postos da capital. Na semana anterior, o preço era de R$ 2,59. No sábado, o preço do litro aumentou e ficou a R$ 2,69.

Quem não gostou nada dessa oscilação foram os motoristas. Com a surpresa a cada dia, eles reclamam da incerteza do preço. O chefe de setor pessoal, Jefferson de Sousa Oliveira, denomina essas mudanças de cartel e que elas atrapalham a vida do consumidor.

“Isso é um cartel que esses donos de postos de gasolina têm. É verdadeiro absurdo, o consumidor todo dia é pego de surpresa, e não tem nenhuma explicação por parte dos empresários para isso”, reclama Jefferson. Indignação por um lado, desconhecimento por outro.

Existem motoristas que nem perceberam o sobe e desce nos preços. É o caso do estudante Rodrigo Antunes Leal. “Eu nem percebi, abasteci de R$ 2,64 na sexta-feira, mas pensava que esse preço estava há muito tempo”, comenta o estudante.

Em um posto de gasolina, localizado no cruzamento da Avenida Rui Barbosa com Olavo Bilac, a alteração no preço chegou a ser feita duas vezes em um único dia. “Quinta-feira o litro custava R$ 2,50, sexta-feira, pela manhã, esse valor caiu para R$ 2,49 e à noite subiu para R$ 2,64”, revela o frentista Willame dos Santos.

O posto ainda alterou o preço mais uma vez no sábado. De R$ 2,64 passou para R$ 2,55 no final de semana e no feriado da segunda- feira. O frentista fala que o posto sempre tem a promoção para fins de semana e feriados. Hoje terçafeira o preço volta a ser R$ 2,64.

O frentista não sabe o porquê dessa oscilação, mas garante que foi geral. “Sinceramente eu não sei por que mudou tanto, mas em toda a cidade teve essa alteração”.

O Sindicato dos Donos dos Postos de Gasolina não quis se pronunciar a respeito das constantes alterações. Por enquanto a população fica sem saber os motivos do sobe e desce nos preços e pode contar com uma surpresa a cada visita ao posto de gasolina de Teresina.

Fonte: Ivana Machado