Telefónica tem queda de quase 15% no lucro em 2008

O lucro do ano passado foi de 7,592 bilhões de euros (US$ 9,65 bilhões)

O lucro líquido da companhia espanhola de telecomunicações Telefónica, a maior empresa em capitalização na Bolsa de Madri, registrou uma queda de 14,8% em 2008. O lucro do quarto trimestre, no entanto, registrou alta de 88,6%, com a América Latina como motor do grupo.

O lucro do ano passado foi de 7,592 bilhões de euros (US$ 9,65 bilhões), e a empresa atribui a queda ao impacto do lucro acima da expectativa obtido em 2007 pela venda das participações nas empresas Airwave e Endemol.

O volume de negócios de 2008 aumentou 2,7%, a 57,946 bilhões de euros, e no quarto trimestre a alta foi de 2,6%, a 14,8 bilhões de euros, com um lucro de 1,99 bilhão de euros (+88,6%).

O resultado foi empurrado pela América Latina, onde o faturamento registrou uma alta de 12,9%, o que estabelece a posição da região como motor de crescimento do grupo. Na Europa o aumento foi de 5,9% e na Espanha, de apenas 1,5%.

"A intensa atividade comercial de todo o ano se traduz em um crescimento dos clientes de 13,2% e quase 259 milhões de acessos em todo o mundo", afirma a Telefónica em um comunicado. Na América Latina, o aumento do número de clientes foi de 18%.

Para 2009, a estratégia da empresa é "preservar a alta geração de fluxo nos mercados com um cenário econômico mais complexo, aproveitando ao mesmo tempo o potencial de crescimento nos mercados em expansão", explica o comunicado.

Fonte: g1, www.g1.com.br