Eletrobras regulariza energia para 2 mil casas

Eletrobras mapeou 53 mil residências


Image title

O presidente da Eletrobras Distribuição Piauí, Marcelino Machado, e o governador Wellington Dias inauguraram na manhã de sexta-feira um sistema de distribuição elétrica para 2 mil residências, beneficiando 8 mil pessoas, no bairro Parque Vitória, na zona Sul de Teresina. O local é uma ocupação.

Machado disse que a distribuição de energia no local faz parte do programa Energia Mais e custou R$ 1,2 milhão, financiados pelo Banco Mundial. Segundo ele, as obras também fazem parte do programa de Ampliação de rede de distribuição para regularização de ligações clandestinas.

A Eletrobras vai instalar, no Parque Vitória, 497 postes de concreto, 22 transformadores de energia e utilizará um novo padrão de distribuição de rede através de tecnologia que impede a suspensão do fornecimento de energia quando a toque de objetos estranhos na rede elétrica, como galhos de árvores.

Marcelino Machado disse que a Eletrobras mapeou 53 mil residências que utilizam energia de forma irregular, sendo 11 mil somente na região metropolitana de Teresina. Para ele, as gambiarras não só representam um perigo a população como também causa prejuízos financeiros para a distribuidora que tem a energia usada e não paga.

“Essa é mais uma ação da concessionaria para reduzir as perdas e garantir a segurança e a qualidade de energia oferecia para a população”, declarou Machado.

O Parque da Vitória foi formado em 2011 com a ocupação de 73 hectares por 2 famílias sem teto. De acordo com o presidente da associação dos moradores, Zé da Cruz, mais de 8 mil pessoas moram no bairro.

Francisca Maria, moradora da rua Boa Esperança, disse que chegou a comunidade no inicio da ocupação. Ela conta que o serviço público demorava a chegar na vila.

“A gente teve que recorrer a gambiarras, por que temos famílias e crianças, mas perdíamos muito eletrodomésticos pela má qualidade de energia. Nós temos conhecimentos que esse tipo de ligação é irregular, mas foi a única solução que nós encontramos”, destacou.

Fonte: Jornal Meio Norte