Em apenas um mês, oito pessoas morreram após serem atacadas por tigres em Sumatra

Duas pessoas morreram nesta terça ao serem atacadas por um tigre

Duas pessoas morreram nesta terça-feira (3) ao serem atacadas por um tigre na ilha indonésia de Sumatra, o que eleva a oito o número de vítimas em incidentes do tipo em menos de um mês, segundo informaram as autoridades locais.

As vítimas eram irmãos que trabalhavam na indústria madeireira ilegal no norte de Sumatra. Eles foram atacados junto com outros quatro companheiros enquanto descansavam.

Segundo a polícia, o tigre só comeu o fígado das vítimas e não atacou as outras quatro pessoas.

O tigre-de-sumatra está na lista de animais em grave risco de extinção da União Internacional para a Conservação da Natureza dos Recursos Naturais.

São apenas cerca de 400 exemplares do tigre na Indonésia, onde seu número se reduziu muito nos últimos anos devido ao desmatamento, que obriga esses animais a sair de seu habitat na selva e se aproximar de áreas povoadas.

Fonte: g1, www.g1.com.br