Estudante coloca cabeça fora de ônibus, bate em poste e morre

"Não tenho palavras para descrever tanta dor", disse o padastro da jovem.

Uma estudante, de 14 anos, morreu após bater a cabeça em um poste, ao colocar parte do corpo para fora de um ônibus escolar, na noite desta quinta-feira (4), na Serra, município da Grande Vitória. De acordo com a polícia, a menina foi socorrida e levada ao Pronto Atendimento (PA) da Serra Sede, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O motorista do ônibus foi levado para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) da cidade para prestar esclarecimentos.


Estudante coloca cabeça fora de ônibus, bate em poste e morre

Lauryane Helen Gomes estudava na escola municipal Herbert de Souza, no bairro Colina da Serra. Ela entrou no ônibus que a levaria para casa no bairro Belvedere. ?Era uma garota que honrava a Deus em tudo eu prazer dela era cantar os hinos. Não tenho palavras para descrever tanta dor?, disse o padrasto da estudante, Daniel do Carmo.

De acordo com testemunhas, o ônibus tinha acabado de sair da frente da escola quando a menina colocou a cabeça para fora da janela para brincar com alguns colegas. O veículo passou ao lado de um poste e a cabeça da menina bateu na estrutura. Lauryane Helen desmaiou e foi levada desacordada ao PA.

O tenente Rodrigues do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar informou que o motorista foi conduzido ao DPJ para prestar esclarecimentos e se houve alguma falha juntamente com a assistente que estava no ônibus. o motorista do coletivo fez teste do bafômetro e o resultado deu negativo.


Estudante coloca cabeça fora de ônibus, bate em poste e morre

De acordo com o padrasto da estudante, ela não deveria ter ido à escola por que na última quarta-feira (3), ela recebeu uma suspensão de três dias por ter levado celular para a sala de aula, só que os pais da menina insistiram para que ela fosse estudar.

Prefeitura

De acordo com a Prefeitura da Serra, a estudante deu entrada no Pronto Atendimento (PA) da Serra Sede, vítima de um acidente envolvendo ônibus de transporte escolar, que presta o serviço para o município. A adolescente foi atendida no início da noite com traumatismo craniano, apresentando um quadro de parada cardiorespiratória aguda.

Informou ainda que a equipe do PA tentou reanimar a paciente por cerca de 30 minutos. Prefeitura prestou o socorro imediato, entrou em contato com os pais e está dando assistência aos familiares.

Fonte: G1