Exportações em março crescem 100% em relação a mês anterior no PI

O saldo comercial acumulou superávit de US$ 10.900.151 milhões.

Março de 2016 apresentou números expressivos nas exportações piauiense com cifras que alcançaram o valor de US$ 12.164.941 milhões, revelando um crescimento de 100% em relação a fevereiro deste ano. De acordo com dados apresentados pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (Sedet), os números deste ano, comparados com março de 2015, representam um avanço de 49,16%.

No acumulado janeiro-março de 2016, as exportações apresentaram valor de US$ 24.390.848 milhões, registrando avanço de 0,67%, sobre 2015. De acordo com o superintendente da Sedet, Francisco das Chagas de Sousa, o aumento da exportação no estado se deve à safra de soja que começou a ser comercializada em março. “Até fevereiro, vínhamos apenas com a exportação do mel, ceras vegetais (carnaúba) e outros produtos produzidos no Piauí. A partir de março começou a safra de soja, promovendo esse aumento na exportação, trazendo destaque, inclusive, em relação ao ano passado”, disse o superintendente.

Entre os produtos exportados mais comercializados no acumulado até março de 2016, tem destaque para as ceras vegetais, algodão, milho e soja, que juntos totalizam quase 75% de toda pauta de exportação. Os municípios que mais se destacam nas exportações piauienses foram Bom Jesus, Parnaíba, Campo Maior e Teresina.

Importação

As importações totalizaram US$ 7.094.194 milhões. Sobre igual período do ano anterior, as importações registraram queda de 61,39% e crescimento de 301% sobre fevereiro de 2016. No período, a corrente de comércio alcançou valor de US$ 19.259.135 milhões. Sobre igual período do ano anterior, apresentou queda de 27%.

O saldo comercial do mês apresentou superávit de US$ 5.070.747 milhões, valor superior ao alcançado em igual período de 2015 quando registrou queda de US$ 10.216.922 milhões.

Ainda sobre o acumulado janeiro-fevereiro de 2016, as importações somaram US$ 13.490.697 milhões, com queda de 70% sobre o mesmo período anterior. A corrente de comércio alcançou cifra de US$ 37.881.545 milhões, representando queda de 46% sobre o mesmo período anterior, quando totalizou US$ 69.818.635 milhões.

O saldo comercial acumulou superávit de US$ 10.900.151 milhões, revertendo o déficit alcançado em igual período de 2015, US$ 21.363.067 milhões.

Nas importações piauienses, destacam-se os municípios de Teresina, Uruçuí, Parnaíba e Altos, os mesmos são responsáveis pelas importações de ferro, máquinas e equipamentos, produtos esses que mais se destacam nas importações do estado.


Image title

Fonte: Com informações do Portal do Governo