Família de Michael Jackson não quer a doação de sua fortuna à caridade

De acordo com os advogados do cantor, não será possível realizar o desejo de Michael Jackson

A família do falecido cantor Michael Jackson não se conforma que 20% da fortuna do astro sejam destinados a organizações beneficentes, segundo revelou uma fonte ao site TMZ.

De acordo com os advogados do cantor, não será possível realizar o desejo de Michael Jackson em um ou dois anos, pois é o tempo mínimo que levarão para resolver o valor real da fortuna do artista. Por isso, durante esse tempo de investigações, nenhuma instituição verá a cor do seu dinheiro.

Uma vez determinado o valor da fortuna e avaliado por um juiz, as organizações beneficiadas serão escolhidas por um comitê formado por três pessoas que, segundo o site TMZ, serão Katherine Jackson, mãe de Michael, e seus advogados John Branca e John McCain, responsáveis pelo seu testamento de 2002.

Fonte: Fuxico