Faxina nos bairros já recolheu mais de 3800 toneladas de lixo

Foram recolhidas 3.800 toneladas de lixo em todas suas edições

A Prefeitura de Teresina segue em atividade constante de combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya. A Faxina nos bairros, atividade de intensificação na limpeza urbana, alcançou a marca de 3.856 toneladas de lixo recolhidas em 22 edições, que ocorrem todos os sábados.

A ação é uma parceria da Fundação Municipal de Saúde (FMS) com as Superintendências de Desenvolvimento Urbano e Rural (SDUs e SDR). No último sábado (04), foram 22 toneladas recolhidas no bairro Dirceu I, zona Sudeste. No próximo sábado (11) as equipes de limpeza estarão na zona Norte da capital, percorrendo os bairros Vila Mocambinho II e Loteamento Mocambinho.

As ações da Faxina já estão mostrando resultados expressivos. No ano de 2015, entre os meses de janeiro a junho, foram notificados 5.517 casos de dengue na capital; já em 2016 este número caiu pela metade: foram 2.326 casos notificados da doença até o momento. “Este é o resultado da parceria da Prefeitura com a população na luta contra o mosquito”, diz o presidente da FMS Francisco Pádua. “Apesar dos números positivos, enquanto ainda houver casos de crianças com microcefalia relacionada ao zika vírus, nós não iremos descansar”, afirma o presidente.

A ação consiste num trabalho conjunto de limpeza e educação. Durante a semana, os agentes de saúde percorrem as ruas orientando a população para deixar na calçada todo o material inservível, inclusive aqueles que não são recolhidos pela coleta de rotina, como móveis e outros de grande porte.

No sábado, as equipes de limpeza percorrem os quadrantes recolhendo todo o lixo da população. O trabalho é complementado com a ação dos agentes de endemias e veterinários da Gerência de Zoonoses da FMS, que promovem ações educativas e orientam os moradores das regiões contempladas.

“O mosquito Aedes aegypti, que é o transmissor da dengue, chikungunya e do vírus zika, não escolhe o bairro ou casa para se reproduzir. Ele precisa apenas de locais com água parada. Por isso, o cuidado para evitar a sua proliferação deve ser feito por todos. A principal ação para prevenção dessas doenças é evitar o nascimento do mosquito da dengue, já que não existem vacinas ou medicamentos que combatam a contaminação. Daí a importância da operação Faxina nos Bairros”, explica o prefeito Firmino Filho.

Fonte: Portal MN