Feiras de Economia Solidária têm início nesta terça-feira (08)

As feiras acontecem na Rua Climatizada e Praça João Luís

O incentivo à exposição e comercialização do que é produzido pelos grupos, associações e cooperativas de artesanato da capital é uma das competências da Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest), ligada à Prefeitura de Teresina. Por isso, mensalmente os pequenos produtores da nossa cidade recebem apoio para realização de feiras, montadas em locais e períodos estratégicos: sempre nos primeiros dias de cada mês, na Rua Climatizada e Praça João Luís. A edição do mês de março tem início nesta terça-feira e se estende até sexta-feira (11), reunindo o trabalho de aproximadamente 100 artesãos.

Essas feiras de Economia Solidária tornaram-se tradicionais no centro da capital e trazem uma diversidade de produtos, a exemplo das típicas peças em cerâmicas feitas pela Cooperativa de Artesanato do Poti Velho, os bordados deliciados criados pela Associação da Central de Compras das Bordadeiras de Teresina (ACCBT) e pelo Grupo de Mulheres Bordadeiras do Parque Piauí.

As biojoias produzidas pela Associação Bioart também estão entre as opções. É um trabalho sustentável e criativo que resulta em peças desenvolvidas a partir do uso de elementos naturais, como sementes e fibras. Peças em crochê, tecelagem, bonecas de pano, e biscuit também ganham espaço nessas feiras.

O gestor da Secretaria Municipal de Economia Solidária (Semest), Olavo Braz, explica que o apoio à divulgação e comercialização é imprescindível para a sustentabilidade dos grupos, mas que outros aspectos fundamentais são trabalhados pelo órgão.

“Além de darmos apoio no aspecto da comercialização e divulgação dos produtos, por meio de feiras e eventos, a Semest também tem o papel de incentivar a qualidade da produção desses grupos, com a oferta de consultorias, e também de facilitar o acesso ao microcrédito, através do Banco Popular, que financia capital de giro e máquinas e equipamentos. Esses são os três pontos que trabalhamos e que é essencial para sustentabilidade desses pequenos produtores, que têm o importante papel de movimentar a economia e abastecer o mercado local”, destaca o secretário.


Image title

Fonte: Com informações da Prefeitura de Teresina