Filhos de Michael Jackson pensaram que ele estava brincando

Crianças só perceberam que o estado do pai era grave quando ouviram as sirenes

Michael Jr., Paris e Prince, filhos de Michael Jackson, demoraram para acreditar que o pai estava morrendo. Segundo o jornal britânico News of the World, o cantor tinha o costume de pregar esse tipo de peça nas crianças.

"As crianças foram levadas ao quarto pelas empregadas, mas pensaram que o pai estava brincando. Quando ouviram as ambulâncias e viram os paramédicos, ficaram assustadas", disse uma fonte ao jornal.

Os três foram tirados da casa antes do pai ser retirado para que não vissem a cena traumatizante. Elas forma levadas de carro até a casa da irmã de Jackson, La Toya.

Adeus ao rei do pop

Os rumores sobre a morte de Michael Jackson começaram a aparecer por volta das 13h (horário de Los Angeles), 17h em Brasília, da última quinta, 25 de junho, quando uma ambulância foi chamada para socorrer o cantor em sua casa, no bairro de Bel Air. Momentos depois da chegada de Jackson ao UCLA Medical Center, o site de celebridades TMZ publicou a notícia de que o cantor havia morrido. Em seguida, o jornal Los Angeles Time confirmou a informação. A morte de Jackson só foi oficialmente divulgada por volta das 15h (19h em Brasília), quando o Instituto Médico Legal da cidade confirmou o falecimento do ídolo pop. O tenente Fred Corral, porta-voz do IML local, disse à rede de televisão CNN que Jackson foi declarado morto às 14h26 (18h26 em Brasília).

Fonte: Terra, www.terra.com.br