Funcionário diz que incêndio em Museu foi provocado por luminária

A informação foi dada pela Defesa Civil.

Na tarde desta segunda-feira (21/12), um funcionário informou que o incêndio que destruiu o Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, pode ter sido causado por um curto-circuito após a troca de uma luminária. O homem responsável pela informação disse esse fato para as equipes de Defesa Civil através do coordenador Milton Persoli.

De acordo com ele, a troca da luminária foi realizada no segundo andar, justamente no mesmo local onde começou o incêndio. A causa será investigada juntamente com técnicos da polícia científica que fazem perícia no local. Esse trabalho porém, só deverá ser mais profundo quando o Corpo de Bombeiros conseguir acabar com os resquícios de fogo que ainda continuava na manhã desta terça-feira.

Milton Persoli afirmou que tudo isso pode ter sido ocasionado mesmo por uma simples troca de luminária sem uma prevenção adequada. Todo o prédio foi afetado pelo fogo e pela fumaça e vai ter que ser reconstruído, de acordo com o Corpo de Bombeiros. Após o incêndio ter sido controlado, ainda havia risco de queda de parte do telhado. "Foi uma área bem grande, afetou todos os pavimentos. Praticamente toda a área do museu", afirmou o comandante do Corpo de Bombeiros, Rogério Bernardes Duarte.

Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)
Incêndio no Museu da Língua Portuguesa (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do G1