Galeria cede por causa da forte chuva e forma enorme buraco na z.Sudeste de THE

Galeria cede por causa da forte chuva e forma enorme buraco na z.Sudeste de THE

A forte chuva que caiu na quinta-feira provocou estragos na galeria do Bairro Comprida, zona Sudeste de Teresina

A chuva que caiu em Teresina na última quinta-feira (10) trouxe vários transtornos à população. Avenida Joaquim Nelson ficou alagada e uma árvore caiu na Avenida Marechal Castelo Branco. Mas não foi apenas isso.

Parte da lateral de uma galeria do Bairro Comprida, zona Sudeste de Teresina, cedeu, dificultando o tráfego de automóveis e transeuntes. O local é bastante movimentado e já foi cenário de acidentes por causa deste problema.

Outro inconveniente alegado por moradores são os alagamentos, quando chove a água alcança a altura média de 50 cm, e aumenta o risco de desabamento de casas próximas à galeria.

De acordo com moradores da região, recentemente foi feito um reparo no local, mas na primeira chuva o lugar cedeu e voltou a apresentar problemas.


Galeria cede por causa da chuva e forma enorme buraco na zona Sudeste de Teresina

As casas ficam cheias de água quando chove e moradores já até construíram uma espécie de muro com pedras, por conta do risco de desabamento. Ainda há dificuldades quanto ao acúmulo de lixo no local e provoca também risco à saúde da população do local.

De acordo com o superintendente executivo da SDU Sudeste, Weldon Alves, já há um projeto aprovado para solucionar esse problema, porém o gasto é alto.

Só o projeto é em torno de R$ 1,3 milhão, mas o que resolveria mesmo a situação seria uma obra em toda a galeria, o que é algo caro, uma quantia de mais de R$ 10 milhões.

?O projeto já foi aprovado, mas a obra ainda não?, diz o superintendente. Reparos são feitos semanalmente na região, devido a falta de recursos financeiros cedidos à SDU da região.

Fonte: Nadja Uchôa