Governo pede que professores suspendam greve de 8 dias no Piauí

Secretário Ricardo Pontes recebeu representantes do Sinte

O secretário de Estado da Administração, Ricardo Pontes, recebeu, nesta quarta-feira (13), no Palácio de Karnak, representantes do Sindicato dos Trabalhadores da Educação do Piauí (Sinte). O gestor abriu diálogo para que fossem colocadas algumas pautas, entre elas, reajuste salarial da categoria.

“Recebemos um grupo de professores e representantes do Sinte para ouvir algumas solicitações. Sobre o reajuste, estamos aguardando a sanção da lei pela Assembleia Legislativa (Alepi) para implementar na folha de pagamento os 2.95% referentes à inflação do ano passado”, explica o gestor.

O secretário esclarece ainda que “os 2.95% serão dados para toda categoria, ativos e inativos. Além disso, será somado mais 3.41% de auxílio alimentação para os ativos. Os valores somados dão 6.36% que já é um valor aproximado de 6.81%, total reivindicado pela categoria”. 

Durante a reunião, foi solicitado que os professores suspendessem a greve que já dura oito dias em escolas públicas do Estado. “Faremos o que estiver ao nosso alcance para resolver a situação, mas gostaríamos que alunos não fossem prejudicados por falta de aulas”, disse Ricardo Pontes. 

Participaram ainda da audiência, o secretário de Estado da Educação, Helder Jacobina; a superintendente de Relações Sociais da Secretaria de Governo, Núbia Lopes; e a presidente do Sinte, Paulina Almeida. 


Governo recebe representantes dos professores do Estado (Crédito: Francisco Leal)
Governo recebe representantes dos professores do Estado (Crédito: Francisco Leal)


Fonte: Ascom
logomarca do portal meionorte..com