Teresina é palco do turismo sexual de crianças, diz vereadora

Teresina é palco do turismo sexual de crianças, diz vereadora

No dia 18 de maio acontece um evento no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em operação conjunta com as Polícias Civil e Militar realizou na noite dessa quarta (09) uma blitz em combate a exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias federais de Teresina. A operação foi idealizada pela Delegacia de Proteção a Criança e ao Adolescente, Conselho Tutelar e o Comitê de Enfrentamento a Violência Sexual e foi o ponta-pé para o evento que acontecerá dia 18 de maio (Dia de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes) em frente ao Riverside em direção a Ponte Estaiada, às 16horas.

Omeionorte.comconversou com exclusividade com dirigentes de alguns dos órgãos que participaram da operação. A irmã Denise Morra, coordenadora do Comitê Piauiense de Enfretamento a Violência Sexual da Criança e Adolescente, conta que a atitude foi louvável, ?Há um esforços de autoridades para somar forças em combate à exploração sexual?, disse a irmã. Dina Barros, conselheira tutelar do grande Dirceu comentou da participação popular no combate a exploração dos jovens, ?A sociedade tem estado junto com o conselho denunciando e ajudando no combate a esse crime?, falou Barros.

João Evelange, conselheiro tutelar do Centro-Norte da capital, diz que o conselho está identificando cafetões e aliciadores desses menores, ?Nós temos identificado essas pessoas e buscado a mídia para divulgar a necessidade de se combater a explorações de crianças e adolescentes?, declarou o conselheiro. A vereadora Graça Amorim (PTB), criou um Código de Conduta de Ética para buscar a parceria com hotelaria, empresas de transporte, restaurantes que possam ajudar na fiscalização do chamado ?Turismo de Exploração Sexual?. De acordo com ela, "Teresina também é palco do turismo sexual de crianças e adolescentes". Dados da PRF confirmam que já existem cerca de 47 pontos de prostituição infantil na capital.

Segundo a vereadora, muitas pessoas vêm para Teresina com o nome camuflado de turismo de negócios, quando a intenção na verdade é para exploração de jovens e crianças que está diretamente ligado ao consumo de drogas e sequestro desses jovens para fora do Piauí.

A irmã Denise Morra diz que o comitê tem esse papel fiscalizador também. ?O comitê tenta monitorar os hotéis, motéis, grandes eventos. Temos que trabalhar o turismo sustentável?, fala a coordenadora do Comitê de Enfrentamento a Violência Sexual a Criança e o Adolescente.

No dia 18 de maio acontece em frente ao shopping Riverside em direção a Ponte Estaiada as 16:00 horas, um evento no combate à exploração sexual de crianças e adolescentes. O evento será aberto ao público que queira vestir a camisa no combate a exploração desses menores. Segundo a irmã Denise Morra, os microfones estarão abertos para as pessoas que queiram apresentar propostas e campanhas de enfrentamento a exploração sexual.

Fonte: Waldelúcio Barbosa