Hacker desvia R$ 500 mil de banco

Criminoso lesava clientes e investia dinheiro em casas e carro de luxo

Um dos maiores piratas virtuais do país já está fora de circulação. Igor Soares da Silva, de 25 anos, é acusado de ser hacker e de roubar centenas de clientes de um banco em Porto Alegre. O valor do golpe contabilizado chega a R$ 500 mil. Todo o dinheiro era reinvestido pelo criminoso em casas e carros de luxo. As investigações, que duraram um ano, coroaram o trabalho da polícia.

Apesar de aplicar os crimes na capital gaúcha, o hacker não estava atuando na cidade, mas sim a 4.000 km de distância. Quando foi descoberto e preso, ele estava em casa. Ele já conta com passagem pela polícia por crimes pela internet, o que ajudou os policiais a chegarem ao seu paradeiro.

Fonte: R7, www.r7.com