Homem morre soterrado por seis toneladas de soja em armazém

Funcionário teria descido para desentupir mecanismo que transporta grãos.

O funcionário de uma fazenda morreu soterrado ao cair dentro de um silo de grãos de soja no município de Serranópolis, no sudoeste de Goiás. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o homem de 44 anos entrou local para dar manutenção em uma das entradas do grão, quando seis toneladas de soja caíram sobre ele.


Homem morre soterrado por seis toneladas de soja em armazém de GO

?Entupiu a boca no fosso do elevador e ele desceu para desentupir. A soja que estava por cima escorregou e desceu por cima dele, soterrando ele lá embaixo?, explicou o gerente da fazenda, Clodoaldo dos Santos.

Os bombeiros afirmaram que outros funcionários ainda tentaram ajudar a vítima. ?Um dos companheiros de trabalho relatou que chegou a segurar na mão da vítima, mas não conseguiu puxar?, informou o subtenente dos bombeiros Lorivaldo Ribeiro da Silva.

A equipe de resgate teve muita dificuldade para chegar até o corpo do funcionário. O trabalho durou mais de duas horas. ?Primeiro tivemos que retirar os grãos de dentro do silo e o trabalho foi feito todo com pás e baldes. Então, foi um trabalho lento?, afirmou o subtenente. ?É um local com pouco oxigênio e quente, o que desgasta muito o combatente que está fazendo a retirada?, complementou sargento dos bombeiros Elson Teixeira

O operador de silos trabalhava na fazenda havia apenas sete meses. A esposa da vítima, que morava com o funcionário na fazenda, passou mal ao saber da notícia e precisou receber atendimento médico.

Fonte: G1