Hospitais do Piauí terão atendimento especial durante o Carnaval

Objetivo da Secretaria é dar mais resolutividade aos serviços.

A Secretaria de Estado da Saúde definiu o plano de ação para assistência hospitalar no período carnavalesco. Para isso, foram alocados mais investimentos financeiros nos municípios de maior concentração populacional, principalmente no litoral. Mais uma vez, todo o trabalho funcionará numa ação integrada com os hospitais da capital e regionais, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e Central Estadual de Regulação.

Segundo o diretor da Unidade de Descentralização e Organização Hospitalar (Dudoh), Alderico Tavares, “considerando que o número de atendimentos na urgência e emergência costumam dobrar no Carnaval, para Luís Correia e Cajueiro da Praia foi encaminhado um aporte financeiro no valor de R$ 35.500, cada um, e duas ambulâncias com equipes formadas por médico, enfermeiros, técnicos de enfermagem e o socorrista para dar cobertura volante”.

Barras, que já tem um Carnaval tradicional, também vai contar com uma equipe avançada para manter o bom atendimento aos foliões. Alderico ainda ressalta que “as demais unidades hospitalares, regionais e estaduais, já estão com escalas fechadas e estarão em pleno funcionamento, nesse período”.

Com esse plano, o objetivo da Secretaria é dar mais resolutividade aos serviços oferecidos. principalmente. no interior, evitando possíveis transferências a Teresina. E havendo transferências, somente daqueles casos de alta complexidade, como traumas expostos, neurologia, ortopédico, cirúrgico e neurocirúrgico.

Sobre a paralisação dos profissionais de Enfermagem, a Secretaria de Estado da Saúde esclarece que está sendo realizado um levantamento sobre o impacto que a greve pode acarretar nos hospitais públicos. Informa ainda que está encaminhando documento à Procuradoria Geral do Estado (PGE), solicitando que se tome as medidas cabíveis a fim de resguardar o atendimento prestado à população.

Fonte: Com informações do Portal do Governo