Hospital Getúlio Vargas realiza mutirão ortopédico neste sábado

A previsão é de que cerca de trinta pessoas sejam beneficiadas

Neste sábado (30), o Hospital Getúlio Vargas (HGV) promove mais um mutirão cirúrgico na área de ortopedia, com previsão de beneficiar trinta pessoas. São vinte e dois pacientes do Ambulatório Integrado (Prédio Azul) e oito transferidos de outras unidades de saúde via Central Estadual de Regulação. De janeiro a junho deste ano, o HGV realizou 5.675 cirurgias. Desse total, 1.485 foram ortopédicas.

A diretora do HGV, Clara Leal, explica que essas ações cirúrgicas, em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), acontecem paralelamente aos procedimentos cirúrgicos que o Hospital já realiza durante a semana. O que tem contribuído para otimizar o número de cirurgias, principalmente nas especialidades de maior demanda, como é o caso da ortopedia.

"Dos 1.510 pacientes transferidos do Hospital de Urgência de Teresina (HUT), de outras unidades de saúde da capital e de outros municípios do Estado para o HGV no primeiro semestre deste ano; 544 ou 36,02% do total, foram de pacientes que precisaram passar por algum procedimento cirúrgico ortopédico.", enfatiza a diretora.

Segundo o coordenador da Clínica Ortopédica do HGV, José Wilson Rodrigues, serão feitas intervenções cirúrgicas de fratura de fêmur, tíbia, quadril e joelho. "São pacientes do Ambulatório e da urgência. Programamos trinta cirurgias, mas há casos em que alguns pacientes precisam passar por mais de um procedimento", enfatiza.

A ação contará com sete médicos ortopedistas e três anestesistas; além de enfermeiros, técnicos de enfermagem, maqueiros e técnicos em radiologia.

Fonte: Portal MN