Americana mostra à policial como foi estrangulada e acaba presa

De acordo com o áudio divulgado pela polícia, no diálogo entre o agente e Claudia, possível ouvir o agente pedindo que a mulher tire as mãos dele


Americana mostra à policial como foi estrangulada e acaba presa

Uma mulher de Port Orange, litoral nordeste do Estado da Flórida, foi detida depois que um policial, que respondia a uma chamada de violência doméstica, foi agarrado pelo pescoço quando pediu que a vítima mostrasse como tinha sido violentada pelo marido, segundo relatório divulgado pela polícia nesta terça-feira. O fato aconteceu na semana passada, quando policias foram chamados para apartar uma briga entre o casal Claudia e Joe Ambroziak.

De acordo com o áudio divulgado pela polícia, no diálogo entre o agente e Claudia, 58 anos, é possível ouvir o agente pedindo que a mulher tire as mãos dele. "Como ele fez quando te agarrou pelo pescoço?", perguntou o policial. "Com energia, assim....", fala a mulher ao agarrar o pescoço do agente. No mesmo momento, o policial recrimina Claudia e coloca algemas na mulher. "Senhora, sou um policial, não vou deixar que coloque suas mãos em mim. Agora a senhora vai para prisão", disse.

Claudia Ambroziak está sendo acusada por tocar em um agente e por violência doméstica. No relatório policial, segundo o jornal The Daytona Beach News-Journal, o agente Michael Garay comentou que a mulher colocou os "dois dedos e o polegar" ao redor de seu pescoço e pressionou. Aparentemente, o casal teve uma discussão e o marido, segundo ele mesmo declarou para polícia, agarrou o pescoço da mulher para se defender da fúria de Claudia.

Fonte: Terra