Ataques de Israel matam 3 em Gaza, e foguete cai na costa de Tel Aviv

Israel acusou o Hamas de não respeitar trégua em visita de premiê egípcio.

O Hamas lançou mais um foguete em direção à cidade israelense de Tel Aviv nesta sexta-feira (16), em meio à escalada de violência entre Israel e palestinos da Faixa de Gaza.

A polícia afirmou que um foguete lançado a partir de Gaza caiu no mar, próximo à cidade. Sirenes antiaéreas soaram no centro comercial de Tel Aviv, e uma forte explosão foi ouvida.



O braço armado do movimento islâmico Hamas confirmou ter lançado um foguete Qassam.

Na véspera, militantes palestinos em Gaza lançaram dois foguetes contra a cidade, a capital comercial israelense. Um caiu no mar, segundo uma fonte de segurança, e o outro atingiu um subúrbio de Tel Aviv, sem causar danos ou feridos. O primeiro ataque foi reivindicado pela Jihad Islâmica.

Ao mesmo tempo, três palestinos morreram em novos bobardeios israelenses ao territórioo segundo fontes palestinas. Duas pessoas morreram em Nazila, no norte do território, e outra em Khan Yunes, no sul.

Um porta-voz do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu havia acusado pouco antes o Hamas, que governa Gaza, de não respeitar uma trégua provisória anunciada por Israel durante a visita do premiê do Egito, Hisham Kandil, ao território.

"O Hamas não respeita a visita do primeiro-ministro egípcio a Gaza e viola a trégua temporária com a qual Israel concordou durante a visita", disse Ofir Gendelman, porta-voz de Netanyahu, que está em campanha eleitoral.

Israel havia anunciado que pararia os ataques enquanto Kandil estivesse no enclave, desde que os militantes do Hamas fizessem o mesmo, mas os israelenses retomaram os ataques aéreos após disparos de foguetes palestinos contra o sul do território de Israel.

Fonte: G1