Autoridade de companhia aérea informa que avião desaparecido com 119 pessoas caiu na África

Autoridade de companhia aérea informa que avião desaparecido com 119 pessoas caiu na África

Aeronave fazia trajeto entre Burkina Fase a Argélia, na porção norte do continente africano

O avião da Air Algerie que estava desaparecido após perder contato nesta quinta-feira com 119 pessoas a bordo caiu, segundo confirmou uma autoridade da agência de aviação da Argélia à agência Reuters. "Posso confirmar que (o avião) caiu", disse o oficial, sem oferecer detalhes sobre o local ou a causa da queda.

Mais cedo, autoridades de aviação haviam anunciado a perda de contato com o avião que fazia trajeto entre Burkina Faso e a Argélia. A aeronave, operada pela companhia aérea argelina Air Algerie, decolara de Uagadugu, mas não chegou a Argel, capital argelina e destino do voo AH5017 que levava 112 passageiros e 7 tripulantes. Inicialmente, fora informado que havia 110 passageiros e 6 tripulante a bordo.

Segundo a empresa espanhola Swiftair, à qual pertence a aeronave, o voo decolou de Uagadugu à 1h17 locais (21h17 de Brasília), e deveria ter aterrissado em Argel às 5h10 (1h10). Autoridades da aviação em Burkina Fasso disseram ter perdido o contato com o aparelho logo depois das 4h30 (0h30). A companhia espanhola, a Air Algerie e o governo francês confirmaram a perda de contato com o avião, do modelo McDonnell Douglas MD-83.

As circunstâncias e o local da queda são ainda desconhecidos. Um funcionário argelino afirmou ao jornal inglês The Mirror que, em seu último contato, o avião estaria sobrevoando a cidade de Gao, no Mali; o piloto pode ter pedido para desviar da rota devido ao tempo ruim e má visibilidade. Também foi relatado um risco de o avião colidir com outra aeronave que voava de Argel a Bamako. Segundo a agência de notícias argelina APS, a Air Algerie ?lançou seu plano de emergência?.

Dos passageiros a bordo, estima-se que a grande maioria seja estrangeira. Pelo menos 50 seriam franceses, 20 libaneses e é provável que houvesse espanhóis a bordo. Demais nacionalidades ainda não foram confirmadas.

Em uma semana, este é o terceiro incidente envolvendo aviões internacionais. Na última quinta-feira, um avião da Malaysia Airlines caiu no leste da Ucrânia com quase 300 pessoas a bordo, derrubado por um míssil. Nessa quarta-feira, um avião da TransAsia Airlines sofreu um acidente que matou pelo menos 48 pessoas em Taiwan, após uma tentativa de pouso forçado pelo mau tempo na região.

Há quase quatro meses, outro Boeing da empresa Malaysia Airlines desapareceu após sair da capital Kuala Lumpur, Malásia, e ia em direção à China. Os restos do avião ainda não foram encontrados.

Fonte: Terra