Silvio Berlusconi fez sexo com Ruby sabendo que ela era menor

Silvio Berlusconi fez sexo com Ruby sabendo que ela era menor

Estas conclusões foram incluídas na sentença com a qual um tribunal o condenou.

O ex-primeiro-ministro da Itália Silvio Berlusconi manteve relações sexuais com a jovem marroquina Karima El Marough, mais conhecida como Ruby, em troca de dinheiro e ciente de que ela era menor de idade.

Estas conclusões foram incluídas na sentença com a qual um tribunal de Milão condenou, em primeira instância, Berlusconi a 7 anos de prisão e à inabilitação do exercício de um cargo público pelos crimes de abuso de poder e incitação à prostituição de menores, no chamado caso Ruby.

"Resulta provado que o acusado manteve relações sexuais com Karima El Marough em troca de quantidades de dinheiro e outras utilidades, como joias", afirmaram as juízas encarregadas do caso.

Além disso, as magistradas indicaram Berlusconi como o "diretor" do "bunga bunga", nome com o qual o ex-primeiro-ministro chamava as festas de índole sexual que eram realizadas em sua residência de Arcore, próxima a Milão. Segundo testemunhas, esses eventos consistiam em um jantar e um show com diferentes jovens.

De acordo com as juízas, a prova de que Berlusconi sabia que Ruby era menor de idade se desprende da chamada feita pelo ex-primeiro-ministro a uma delegacia de Milão entre os dias 27 e 28 de maio de 2010, na qual ele, para conseguir que Ruby fosse libertada por um pequeno roubo, alegou que a jovem era sobrinha do então presidente egípcio Hosni Mubarak.

Fonte: Terra