Brasileira monta esquema de prostituição

Mulher alugou uma casa para programas com um transexual

A brasileira Diana Lopes, de 35 anos, foi presa na cidade de Tropea, na Calábria, sul da Itália, acusada de promover encontros sexuais com um transexual, informaram nesta quinta-feira (19) as autoridades locais.

Moradora de Piacenza, a mulher alugou uma casa no centro do município para a realização de programas. Para despistar as autoridades, o local era apresentado como uma casa de massagem.

Os clientes agendavam os encontros e efetuavam o pagamento via internet. O transexual, cujo nome não foi divulgado, também seria brasileiro.

De acordo com a imprensa local, após suspeitarem do estabelecimento, policiais disfarçados de clientes realizaram investigações por cerca de uma semana.

A mulher estaria agora detida na prisão feminina da região de Reggio Calábria, à espera da decisão das autoridades sobre o caso. O transsexual deverá ser deportado.

Fonte: R7, www.r7.com