Casos de cólera aumentam no Haiti após furacão Sandy

Em 2010, epidemia de cólera matou mais de sete mil pessoas.

As autoridades sanitárias do Haiti informaram nesta terça-feira (6) um aumento dos casos de cólera depois da passagem do furacão Sandy, doença que causou a morte de 21 pessoas. Segundo Ronald François, coordenador nacional do cólera, outras mortes reportadas às autoridades ainda não foram confirmadas pelo ministério da Saúde.

Depois da aparição da epidemia de cólera no Haiti em 2010, mais de 7.600 pessoas morreram no país e outras 331.000 foram hospitalizadas, segundo as estatísticas oficiais.

Fonte: G1