Chega a 242 o número de mortos no naufrágio da balsa na Coreia do Sul

Equipes de resgate retiraram mais seis corpos neste domingo (4). Parentes temem que maré leve corpos para longe do local do acidente.

As equipes de resgate recuperaram seis novos corpos de dentro da balsa Sewol, na Coreia do Sul, neste domingo (4), o que elevou o número de mortes confirmadas para 242. Cerca de 60 pessoas ainda seguem desaparecidas após o naufrágio, ocorrido no dia 16 de abril no Mar Amarelo.

A equipe formada por mergulhadores da Marinha e da Guarda Costeira da Coreia do Sul e também por mergulhadores particulares conseguiu recuperar as vítimas de compartimentos do quarto andar. Nos últimos dias as fortes rajadas de vento aumentaram as correntes e a maré, o que complicou as operações de busca.


Chega a 242 o número de mortos no naufrágio da balsa na Coreia do Sul

Também aumentou a preocupação dos parentes das vítimas sobre a possibilidade de que muitos cadáveres tenham sido arrastados pela correnteza e não possam ser recuperados, já que em dias passados diferentes corpos foram localizados a vários quilômetros de distância do local onde a embarcação virou.

Das 476 pessoas que estavam no Sewol, 325 eram estudantes de um instituto de ensino médio da cidade de Ansan, na periferia de Seul. Os funerais se multiplicaram nessa cidade nos últimos dias pelo elevado número de jovens mortos, que pode ser superior a 250, uma vez que todos os corpos sejam resgatados e identificados.

Acredita-se que a embarcação afundou depois de uma manobra brusca que deslocou todo o peso de sua carga para um lado, o que a desequilibrou e fez virar em pouco mais de uma hora.

O capitão foi criticado pela demora nos procedimentos de evacuação do navio no momento do acidente e permanece detido por supostamente ter deixado a embarcação e não ter zelado pela segurança dos passageiros.

Fonte: G1