Criança passa por 18 cirurgias em um ano após engolir controle remoto da televisão

Criança passa por 18 cirurgias em um ano após engolir controle remoto da televisão

Pais não perceberam que o garoto tinha engolido a bateria, que queimou parte do seu esôfago

O americano Emmett Rauch, 2 anos, luta pela vida depois que engoliu uma bateria do controle remoto da TV. Só no ano passado, ele passou por 18 cirurgias no Hospital Infantil Phoenix, no Arizona (EUA), segundo noticiou o jornal britânico Daily Mail.

Em entrevista, a mãe do garoto, Karla Rauch, disse que ninguém percebeu que ele tinha engolido a bateria e os primeiros sintomas eram semelhantes a uma constipação.

“A bateria começou a queimar seu esôfago em duas horas e ficou dentro dele por três dias”, contou. (LEIA MAIS: PERIGOS DENTRO DE CASA) A criança teve parte do esôfago removido por causa da queimadura com o ácido da bateria. Ela sofreu, ainda, vários problemas pulmonares e teve de fazer cerca de 200 raios-X.

Uma enfermeira que cuida de Emmett – Michelle Chacon – disse que tem visto diversos casos de crianças que engolem baterias. Por conta disso, ela ajudou a família do menino a criar uma instituição de caridade chamada Emmett"s Fight (Luta de Emmett) justamente para conscientizar as famílias do perigo dentro de casa.

Afinal, essas baterias pequenas são usadas em objetos do cotidiano, como relógios, máquinas fotográficas e calculadoras. “Você fala sobre segurança da criança em casa, cobrindo tomadas, e isso precisa também fazer parte”, disse Chacon.

Fonte: http://revistacrescer.globo.com