Davy Jones, vocalista dos Monkees, morre aos 66 anos

Cantor e ator gravou hits como "Daydream believer" e "I wanna be free".

Morreu nesta quarta-feira (29) o vocalista do grupo Monkees, Davy Jones, informou o site TMZ, especializado em celebridades.

Um representante do cantor confirmou que ele foi vítima de um ataque cardíaco nesta manhã. Ele tinha 66 anos e deixa quatro filhas de casamentos anteriores.

A banda lançou sucessos como "Last train to Clarksville" e "I"m a believer". Hits como "I wanna be free" e "Daydream believer" tinham Jones no vocal principal. O cantor e ator foi o primeiro a ser escolhido para integrar os Monkees, grupo americano de pop rock criado para estrelar um programa de TV da rede NBC e rivalizar com os Beatles.

Nascido em Manchester, na Inglaterra, Jones começou a carreira como ator na peça "Oliver!". Atuou na Broadway e chegou a receber uma indicação para o prêmio Tony. Os Monkees lançaram nove álbuns entre 1966 e 1970. O primeiro disco levava o nome da banda e saiu em 1966. Um ano depois, chegou às lojas o álbum "More of The Monkees".

A banda também deu origem ao filme "Os Monkees estão soltos", de 1968. Após gravarem músicas compostas por produtores, lançaram "Headquarters" (1967), com faixas compostas pelos integrantes. Mesmo sem o sucesso de antes, chegaram ao topo das paradas. Ele escreveu três livros sobre a carreira com o Monkees.

O fim da banda foi anunciado em 1970, mas eles retornaram em quatro períodos: entre 1986 e 1989; 1993 e 1997; em 2001 e também em 2011. O Monkees tinha em sua formação original Micky Dolenz (voz e bateria), Peter Tork (baixo, teclado e voz) e Mike Nesmith (voz e guitarra). A última apresentação do grupo foi no dia 19 de fevereiro em Oklahoma, nos Estados Unidos.


Davy Jones, vocalista dos Monkees, morre aos 66 anos

Fonte: G1