Disney avisa que irá colocar avisos sobre existência de jacarés

Todas as praias do complexo estão fechadas.

A Disney anunciou nesta quinta-feira que irá colocar avisos sobre a existência de jacarés na lagoa onde Lane Graves, de 2 anos, morreu após ser arrastado para a água por um dos animais.

Em um comunicado, a vice-presidente da empresa, Jacquee Wahler, informou que todas as praias do complexo estão fechadas.

"Todas nossas praias estão fechadas e estamos conduzindo uma rápida e exaustiva revisão de nossos processos e protocolos. Isso inclui o número, localização eredação de nossas sinalizações e advertências", disse Jacquee Wahle.

Apesar de haver placas de "não nade", a lagoa do Grand Floridian Resort e Spa, onde o garoto foi morto, não tinha nenhum alerta sobre a presença de jacarés.

A Flórida tem uma grande população de jacarés, mas, raramente, os animais atacam humanos. Antes da morte de Lane Graves, eram registradas no estado somente 22 mortes por ataques do animal desde 1948.

Na última terça-feira, a família Graves descansava nas margens da lagoa do resort quando por volta das 21h15 (horário local) um jacaré atacou o filho mais novo do casal Matt e Melissa Graves e o arrastou para o fundo da água. O corpo do menino foi encontrado intacto cerca de 18 horas depois da tragédia.

Garoto foi atacado por jacaré (Crédito: Divulgação)
Garoto foi atacado por jacaré (Crédito: Divulgação)


Fonte: O Globo