Dono espanca cão até a morte e atira bicho do 15º andar de prédio para encobrir o crime

Dono espanca cão até a morte e atira bicho do 15º andar de prédio para encobrir o crime

O corpo do cão foi encontrado por um vizinho, jogado no jardim do conjunto residencial

Dean Edwards chocou a vizinhança da região de Walsall, na Inglaterra, onde vivia. O homem de 44 anos espancou seu cachorro de estimação até a morte. Depois, na tentativa de encobrir o crime, jogou o corpo do animal da varanda de seu apartamento, no 15º andar de um prédio.

O corpo do cão foi encontrado por um vizinho, jogado no jardim do conjunto residencial e envolto por uma imensa poça de sangue. Edwards alegou que o cão devia estar dormindo quando caiu da varanda.

Desconfiados, os responsáveis pela administração do prédio decidiram chamar a polícia. Guardas encontraram sangue espalhado pelo apartamento do inglês enquanto membros de uma organização protetora dos animais realizaram exames no animal morto e verificaram a presença de hematomas que não poderiam ter sido causados por uma queda.

Edwards foi proibido pela justiça de cuidar de outros bichos e condenado a seis meses de prisão por causar sofrimentos desnecessários a um animal.

Em entrevista ao jornal Daily Mail desta quarta-feira (7-11), o juiz Michael Morris, que cuidou do caso, disse que o erro mais grave do britânico foi ter tentado esconder o que fez de errado. ?A parte mais insensata da história é que o homem fabricou uma queda para o animal?, disse.

Fonte: G1