Garota cai em represa e seus pais, irmãos e tios morrem afogados tentando salvá-la

A iniciativa deu errado, e todos se afogaram.

Sete pessoas de uma mesma família se afogaram ao tentar salvar a filha caçula que caiu em uma represa. Ao se darem conta da queda da menina, os parentes formaram uma “corrente-humana” para tentar descer até a água, e foi quando o acidente aconteceu.

O grupo, formado por quatro adultos e três adolescentes, visitava um túmulo em um cemitério próximo à represa, na cidade de Shantou, na província chinesa de Guangdong.

Uma das jovens, de 17 anos, decidiu lavar as mãos no reservatório, e acabou se desequilibrando e caindo na água. O restante da família fez uma tentativa desesperada de resgatá-la, mesmo cientes de que nenhum integrante do grupo sabia nadar.

A iniciativa deu errado, e todos se afogaram.

O resgate foi chamado, mas já era tarde. Os oficiais encontraram e resgataram os sete corpos de dentro da represa.

De acordo com um dos paramédicos, a impressão que se teve é de que todos os parentes estavam muito empenhados em salvar a garota.

— Nenhum deles sabia nadar, e mesmo assim se arriscaram. Recebemos uma ligação de moradores, que viram o que aconteceu mas que, infelizmente, não puderam ajudar a família a tempo. Resgatamos a garota e seus dois irmãos, um menino de 15 anos e uma menina de 13, assim como os pais e tios dela, todos declarados mortos ainda no local.

Oficiais responsáveis pela preservação da área onde aconteceu o acidente abriram investigação para ver se é possível prevenir que outras tragédias como esta voltem a acontecer.

A família estava reunida para visitar o túmulo durante um tradicional festival chinês, o Tomb-Sweeping Day, uma espécie de Dia dos Mortos, quando os parentes prestam homenagens a seus ancestrais.

Fonte: R7